segunda-feira, 27 de outubro de 2014

As eleições nos Boards By Bira

As eleições foram muito acirradas, os ânimos exaltados...

Nas eleições dos boards a coisa foi bem mais light, os candidatos tinham propostas claras e respeito ao gosto do eleitor


Jogos Light

Sua proposta foi integrar a criançada, até uma de 4 anos participou da brincadeira, com poucas regras e todas elas claras o Risco Total e o Livingstone, agradaram...




Jogos de CIV

O Antike veio a mesa logo após uma joga de Imperial prometendo ser mais simples e direto...por ser embativo e conflituoso, gerou stress à mesa, mas rolou bem no quesito regras




Clássicos de Autores Clássicos

Em sua proposta de governo, temos desafio, tensão, decisões justas e apertadas, tema árido aqui o Brass mostra o quanto é fodão...





Hype do momento

O Terra Mystica e toda sua popularidade quer se mostrar, aparece com tudo que tem direito e já tem o povo do seu lado...




O populista

Já pra grande massa nada como o Werewolf e sua democracia, todo munda na mesa discutindo, dando risadas...o ruim é o fato da exclusão de players...





O Euro de boa

Meio correndo por fora temas aquele Euro bonitinho, sem muita polêmica que vem de mansinho, mas agrada a hardcores black blocks e lights...




O Euro mais Punk

Esse é um centro esquerda mais radical sem forçar tanto a tanga...o Amerigo é um bom jogo, mas as decisões não são tão simples como no Glass, nem tão hard como no Brass, fica mais ao centro...


Aqui ainda se enquadraria o Era of Inventions...que não foi muito agradável pro povo que jogou...



Ao contrário das eleições presidenciais as eleições de Boards tem tolerância, respeito as opiniões contrárias...talvez seja também por que preferir um ou outro jogo não muda tanto a vida das pessoas como a escolha de um presidente...enfim...tudo acabado agora cabe torcer para que pare de piorar e volte a melhorar o que acho BEEEM pouco provável...

Braços

Um comentário:

Gerson Monteiro disse...

Bom rever essa turma... Abraços a todos!