terça-feira, 30 de outubro de 2012

Joga do sábado, "a esdrúxula"! by Vitto

Sábado de manhã e novamente invadimos a tranquilidade do lar do Mateus e sua esposa!

Comparecemos eu (Vitto), Mateus, Solon, Gaudério, Makrakis e Gérson. Rolaram duas mesas, uma de Steam e outra de D-Day Dice.

Na mesa de D-Day Dice jogaram o Gérson (dono do jogo) e o Solon. Pelo que entendi, pois estava na outra mesa, é um jogo cooperativo, com tema da invasão da Normandia, baseado em dados, MUITOS dados! E dados muito bem feitos, customizados com faces únicas, uma aparência muito legal. Não sei dizer muito sobre a mecânica, portanto, fiquem com as fotos e o pessoal nos comentários explica.



Solon se virando com os dados e no fundo a mesa de Steam.

Na foto o Solon e o Gérson no D-Day Dice e o dedo do Makrakis! :P
Na outra mesa (que na verdade é a mesma mesa!) jogamos uma partida de Steam. Estavam na mesa duas feras do grupo no jogo, o Gaudério e o Makrakis, bem como o Mateus, que já havia jogado o jogo. Iniciante somente eu, o dono do jogo.

A supresa aconteceu quando eu pergunto se iríamos jogar o modo Padrão de jogo (Standard Game) ou Básico (Basic Game) e todos me olham com aquela cara de paisagem! Puxa, nem sabiam da existência do modo Padrão do jogo, tínhamos que experimentar!

Daí fomos para as regras, explicadas por mim (o iniciante, vejam só), aos mais experientes. Nesse modo de jogo o que mais muda são as cartas de ação, que não mais ditam a ordem de jogo. No início de cada turno, os jogadores disputam em lances a ordem de jogo. No entanto, somente os dois primeiros colocados pagam seu lance em um valor cheio. O último colocado não paga nada de lance e os outros (3º e 4º, no caso de cinco jogadores) pagam apenas metade do lance. Outra diferença grande é que não se pode pegar financiamento durante o turno de jogo, mas somente no início do turno, antes mesmo do leilão pela ordem de jogo. De resto o jogo aparentemente é bastante parecido com o modo Básico de jogo, com mais um detalhe: nenhuma das cartas de ação custa nada para ser executada, no entanto, todo o turno, os jogadores devem pagar pela manutenção das locomotivas, à razão de $1 para cada nível. Essa mudança causou um pouco de furor no nosso jogo, logo de início, mas consertamos e fomos adiante.

O jogo fluiu bem, com o Makrakis fazendo a maior manha, dizendo que estava fora e etc... O Mateus também reclamou um pouco, logo de cara dizendo que iria ficar duas horas fora. tudo balela! No final, acabaram ambos em segundo e terceiro lugar (baita ardil!).

E o "esdrúxulo" da joga foi o resultado desse jogo, pois quem ganhou foi o advogado aqui, batendo de longe no engenheiro, no matemático e no especialista em logística militar... :P

Placar final de 52 para mim, 40 para o Makrakis, 22 para o Mateus e acho que 15 para o Gaudério.

Abaixo a única foto que lembrei de tirar no finalzinho.

Tabuleiro no final da joga. Conseguem olhar o marcador preto lá longe no 50+? :P
Bom, foi isso, pois já era quase meio-dia e iríamos todos almoçar.

Ate a próxima!



6 comentários:

Riffel disse...

Essa variante muda muito como se joga, pena q a foi foi tirada depois de removerem os identificadores e nao dá pra ter noção de como rolou o jogo, dá pra ver q era custoso construir. curtiu o game Vitto?

Vitto disse...

Muito bom! E olha que minha única experiência era aquela partida de Railroad Tycoon, que jogamos lá no Bira. Tentei me concentrar em fazer poucas entregas, mas entregas com bastante links. Daí a pontuação explodiu.

E pelo que li do manual, essa é a regra "oficial" e o jogo Básico um jogo mais casual... De qualquer maneira, muito bom o jogo, vale várias rejogadas para aperfeiçoar.

O custo de construção é o mesmo. Na verdade, pelo que entendi, o jogo básico se usa muito mais dinheiro. Nesse modo padrão, o único custo é dos trilhos, que é igual, e da manutenção da locomotiva, ao final do turno, junto com a renda (ou dívida, caso negativo).

Ubiratã de Oliveira disse...

show de bola...acho o Steam um baita jogo, não vejo nada de errado no resultado, embora o Engenheiro construa e o matemático tenho boas noções estatísticas no final é o advogado que "rouba" o dinheiro dos dois...huahuhauhauhaua....

E o Gerson sempre com esses jogos que eu queria jogar...mas ele só leva quando eu não vou...

Braços

Riffel disse...

Já podes dizer tua preferencia entre Steam e o RRT. eu continuo com o Steam

Ubiratã de Oliveira disse...

Railroad Tycoon...embora o Steam seja mais elegante como os boardchatos classificam...risos...

Gerson Monteiro disse...

O "D-Day Dice" (Valley Games) nos pareceu muito bom jogo. É cooperativo (até 4 jogadores), mas com a expansão pode também ser jogado de modo "misto", com até 4 jogadores "Aliados" contra 1 "Alemão". O objetivo é sair das praias de desembarque e entrar em "bunkers" ou "casamatas" no final com pelo menos 1 soldado sobrevivente. Ao longo da partida os jogadores vão rolando os dados (6 para cada jogador) e coletando os recursos (homens, especialistas, medalhas e itens) que vão ajudá-los a cumprir a tarefa. Não é fácil chegar inteiro ao final, com metralhadoras alemãs, campos de minas e tudo mais pela frente... Diversão garantida!