quinta-feira, 12 de julho de 2012

Joga dos Desocupados, by Vitto

Na quarta houve uma joga na casa do Solon. Uma joga para desocupados, que puderam se reunir às 16:00. Além do anfitrião (que trabalha na noite dos bares portoalegrenses, portanto livre às tardes), estavam presentes o Andrei e sua esposa, a Cris, (ambos de férias da faculdade) e o Vitto (eu, que sou vagabundo e saí do trabalho mais cedo mesmo!).

O Vitto foi o último a chegar, às 16:30, já exigindo botar na mesa o Tobago, que queria conhecer. Então fomos direto para a partida.

O Tobago é um ótimo jogo familiar, rápido, fácil e bem divertido. Chamou a atenção pela jogabilidade simples e a arte bonita e componentes muito bem feitos - as estátuas, por exemplo, são mesmo feitas de pedra!


O jogo trata de exploradores na ilha de Tobago buscando tesouros enterrados. Se determina a localização do tesouro por dedução, através de cartas de pistas colocadas pelos próprios jogadores. Colocando-se as cartas nos quatro tipos de tesouro existentes, vai-se restringindo os possíveis locais do baú enterrado. Determinando-se o local final, assim que o primeiro jogador chegar ao local, inicia-se a resolução da premiação, em que participam todos os jogadores que tenham colocado pistas naquele tesouro. Cartas aleatórias de tesouro (com valores de moedas de 2 a 6) são compradas pelos jogadores por cada pista utilizada, com mais uma para o jogador que desvelou o tesouro. Todas, então, são embaralhadas e tiradas uma a uma, iniciando-se pelo jogador que desenterrou o tesouro, que tem a opção de ficar ou não com a carta. Quem escolher ficar com a carta, se retira da premiação. Com alguns elementos a mais, como a movimentação dos jipes, os amuletos protetores fornecidos pelas estátuas da ilha e os tesouros almadiçoados, o jogo finaliza com o término do baralho de moedas. Ganha quem tiver mais moedas ao final.

Nessa partida ganhou o Vitto, reunindo muitos tesouros logo no início do jogo e desenterrando os tesouros achados pelos outros jogadores!


Depois, fomos para um intervalo, onde o nosso querido anfitrião trouxe cachorrinhos que, segundo o próprio, ele mesmo fez (na verdade, achamos que ele comprou-os na padaria da esquina, mas deixa assim). Sorte da Cris, que disse que o cachorrinho é o petisco que ela mais gosta!

Todos alimentados, fomos para uma partida do Takenoko. O Solon, como já avisado pelo Mateus, INSISTIU para jogarmos o jogo dos bambus. Não sei porque... :)

O jogo é muito bonito e bem feito. Um jogo bem familiar, que agrada a todos!


Nessa partida de Takenoko, que já foi bem explicado pelo Mateus em um post anterior, saiu vitorioso o Andrei, que conseguiu vencer no critério de desempate contra o Solon. Ambos fizeram 31 pontos, mas o Andrei tinha mais pontos de vitória do Panda (que é de comer bambus). Vale comentar que o jogo foi muito equilibrado, pois tanto a Cris e o Vitto finalizaram a partida com 29 pontos cada.


Após essa partida, o Vitto teve que ir, deixando o Solon, o Andrei e a Cris para jogar uma partida de Hollywood Blockbuster, também já explicado pelo Riffel nesse post.

Infelizmente, não há fotos dessa partida. O Andrei foi diligente e tirou as fotos do Hollywood Blockbuster! ;)

Seguem abaixo!




Foi isso, galera!

Até a próxima!

5 comentários:

Andrei disse...

Agente também trabalha, foi para lá depois do trabalho :P

Eu tenho foto do Hollywood. Vou ver se consigo te mandar aqui.

Todos jogos muito bons, jogaria novamente tranquilo. A Cris também gostou. ^^

Kony disse...

Muito bom Vitto, só uma coisa... o Solon não faz nada em casa, imagina cachorrinhos para esperar os amigos, e na real ele vive de mesada da Dona Fátima para comprar jogos.

keymaker disse...

Que inveja (boa) destas jogatinas de vcs, a coisa tá bombando por aí.

Em relação ao Blockbuster do Knizia parece muito bom mesmo estamos jogando direto por aqui o Modern Art, tbm do Knizia e bem parecido com o Blockbuster na mecânica, mas com leilões de obras de arte, compramos a versão alemã da Pégasus Spiele de 2009 que é caprichadíssima pq o original de 1992 é muito feio visualmente.

Em breve vai pro blog dos Adoradores a Resenha e a Jogatina do Modern Art.

Abraços.

Ubiratã de Oliveira disse...

Mateus não mexe com a Dona Fátima...olha lá...risos...

Faz horas que não me aproveito desse lanche...saudades já...
braços

Muito bom Vitto...

Riffel disse...

A joga foi boa hein e com cachorrinhos, perdi essa!!
Só uma dica, nas fotos mostrem a galera, pq foto só do jogo tem aos montesno BGG